Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Brasil / Senado da Repblica

Publicado em: 12/01/2021 - 17:44:37

Simone Tebet é candidata do MDB à presidência do Senado

Mato Grosso do Sul poderá ter novamente o presidente do Senado da República. Simone Tebet é a candidata do MDB na disputa pela presidência do Senado. Senadora sul-mato-grossense venceu Eduardo Braga na disputa interna do partido, e enfrentará o governista Rodrigo Pacheco (DEM).


A senadora por Mato Grosso do Sul, Simone Tebet, será a candidata do MDB na sucessão do Senado. É o que definiu a bancada do partido em reunião na tarde desta terça-feira.


Eduardo Braga (AM), também era avaliado como candidato do partido. Será a segunda tentativa da senadora sul-mato-grossense chegar à presidência do Senado.  


Em 2018, Simone Tebet só retirou a candidatura no último momento, depois que o partido optou por Renan Calheiros (MDB). Dissidente na bancada, a sul-mato-grossense acabou integrando o grupo de senadores que alçou Davi Alcolumbre (DEM-AP) à presidência na ocasião.  


 O movimento de Tebet, na época, fez com que ela chegasse à presidência da Comissão de Constituição e Justiça, uma das mais importantes da casa, e que concentra um poder inferior apenas ao do presidente do parlamento.  


Desta vez, o arranjo de forças no Senado está diferente. Simone Tebet deve se opor ao grupo de Alcolumbre, que ela ajudou a chegar à presidência.  


"Muda Senado"


Para chegar à presidência ela conta com o apoio de senadores de vários partidos, que integram um movimento informal chamado de Muda Senado. Entre os senadores líderes do movimento estão, por exemplo, Tasso Jereissati (PSDB-SP) e Álvaro Dias (Podemos-PR).  


O anúncio da candidatura acontece após a recepção de dois novos filiados à bancada do MDB no Senado. Rose de Freitas (ES) e Veneziano Vital do Rego (PB) aumentam a bancada do partido de 13 para 15 senadores.


Amanhã Simone Tebet deve reunir-se com a bancada do Podemos (10 senadores).  


Do outro lado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), conta com o apoio de petistas e bolsonaristas. PSD, PT, Pros PSC e Republicanos integram um grupo de aproximadamente 29 senadores.  


Se conquistar os apoios almejados do Podemos e do PSDB (7 senadores), Simone teria um bloco de 32 senadores.


Em Mato Grosso do Sul, Nelson Trad Filho (PSD), disse na semana passada que irá acompanhar o partido. Soraya Thronicke (PSL) ainda não se manifestou. 




Senadora sul-mato-grossense irá concorrer à presidência do Senado - Agência Senado




 

Correio do Estado / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Simone Tebet é candidata do MDB à presidência do Senado"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Santos dá show, goleia o Boca Juniors na Vila Belmiro

  Trator atravessa pista, bate em moto e mata professora

  Corpo é encontrado concretado em tambor em Ponta Porã

+Notícias mais lidas da semana

Simone Tebet é candidata do MDB à presidência do Senado
Ela venceu a disputa interna do partido e enfrenta o governista Rodrigo Pacheco.
Homens de MS fotografam ‘noiva fantasma’no serviço
Foi em empresa de celulose em Três Lagoas. Já existe citação do evento.
Morre o general da reserva Carlos Roberto Pinto deSouza
Ele era diretor do setor no Inep que elabora o Enem
Corpo é encontrado concretado em tambor em Ponta Porã
Pescadores localizaram o tambor e avisaram a polícia.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®