Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Brasil / Polcia Federal

Publicado em: 11/09/2020 - 15:30:45

Operação apreende 'bolo' de notas de R$ 200 no RJ

Operação contra quadrilha de roubos de carga tem 10 suspeitos presos no RJ


Roubos deram um prejuízo de R$ 2 milhões, segundo investigação. Em um endereço foram apreendidos R$ 15 mil em espécie; entre as notas havia várias de R$ 200, recém-lançadas.


Por Fernanda Rouvenat, Leslie Leitão e Lívia Torres, Bom Dia Rio


O Ministério Público do Rio e a Polícia Civil fizeram nesta sexta-feira (11) uma operação contra uma quadrilha de roubos de carga que atua no Rio de Janeiro há pelo menos cinco anos.


De 12 mandados de prisão expedidos, 10 foram cumpridos – destes, três pessoas já estavam presas por outros crimes. A Operação Lacto ocorreu em seis municípios da Baixada Fluminense e da Região Serrana, onde o grupo criminoso costuma agir.


Segundo os investigadores, os criminosos deram um prejuízo de R$ 2 milhões às vítimas, com pelo menos 15 roubos em 6 meses.


Em um dos endereços foram apreendidos R$ 15 mil em espécie. Chamou a atenção dos investigadores o fato de que, entre as notas, havia várias de R$ 200 – lançadas no começo do mês.


Segundo a polícia, as cargas mais visadas eram de carnes e laticínios, embora outros tipos de cargas, como medicamentos, também tenham sido roubadas.


Ao todo, foram expedidos 12 mandados de prisão preventiva, 20 de busca e apreensão e 3 medidas cautelares diversas da prisão. Dezesseis pessoas foram denunciadas.


Segundo o delegado João Valentim, titular da 106ª DP e que está à frente das investigações, a quadrilha se dividia em quatro grupos, com funções bem definidas:



  • fornecer os carros usados nos roubos;

  • prática do assalto;

  • Depois do roubo, se livrar dos caminhões de carga;

  • receptação da mercadoria roubada.


O delegado informou ainda que os receptadores das cargas também são alvos da polícia.


"Entre os alvos, nós encontramos inclusive grande quantidade de carne. Então, serão trazidos os presos para a Cidade da Polícia. É importante consignar que a ação de hoje da Polícia Civil é uma resposta ao plano de ação que foi firmado com órgãos de segurança pública na semana anterior".


A investigação teve início a partir de um roubo de carga no dia 18 de março na BR-040, no trevo de acesso a Itaipava. O grupo rendeu o motorista que levava uma carga de leite avaliada em R$ 18 mil. O veículo, avaliado em R$ 80 mil, também foi roubado.


Segundo a polícia, a única mulher presa – identificada como Patrícia Teixeira – fazia parte do grupo de receptadores. Em escutas gravadas, com autorização da Justiça, ela fala sobre o aluguel de um galpão para esconder a carga roubada.


"Sabe quanto que a gente  pagando no galpão? Dez mil (R$), pra botar uma carguinha (risos)", diz.




Para os investigadores há fortes indícios de aquele bandido que pulou a janela de uma carreta no meio da Rodovia Washington Luís, no fim de agosto, pode fazer parte dessa quadrilha.


Os bandidos fizeram um tipo de escolta pra levar o caminhão até uma rua dentro da favela. A carga foi recuperada.


Em um dos endereços foram apreendidos R$ 15 mil — Foto: Reprodução


 




 

G1/Por Fernanda Rouvenat, Leslie Leitão e Lívia Torres, Bom Dia Rio / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Operação apreende 'bolo' de notas de R$ 200 no RJ"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Colisão entre carretas e carros mata condutor na MS-306

  Após confusão no PSL, Soraya vai ao TRE contra Trutis

  Homem é morto a tiros em Camapuã no sábado (12)

+Notícias mais lidas da semana

Vacina BCG será testada contra coronavírus em MS
Teste será realizado em profissionais da saúde que ainda não foram infectados
‘Sertanejo ostentação’ revelou lavagem de dinheiro
Polícia Federal investiga 19 pessoas da mesma família em MS, MT e Paraguai
MS: Quatro municípios dobraram população em 20 anos
Em Camapuã houve queda populacional de 16.446 para 13.693, ou seja, 16,7%.
Familiares de casal morto a tiros prestam depoimento
A mulher foi encontrada com o short abaixado
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®