Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Campo Grande / Acidente

Publicado em: 05/06/2020 - 08:59:50

Militar envolvido em acidente com vítima diz que bebeu

O tenente da Polícia Militar Alexander Nantes Stein,  de 32 anos, que provocou o acidente que matou a professora Suellen Vilela Brasil, de 32 anos, na noite do último sábado, em Campo Grande, prestou depoimento por cerca de 1 hora na tarde desta quinta-feira (04), ao delegado João Reis Belo, da 4ª Delegacia de Polícia. 


De acordo com o delegado, o investigado alegou ter consumido três garrafas de cerveja long neck antes do almoço. No entanto, o advogado Pedro Paulo Sperb garantiu que o cliente não bebeu naquele dia, especialmente no período noturno. “Ele iria viajar para Corguinho e uma das razões de não ter bebido é essa”, explicou a defesa ao Midiamax.


No entanto, momentos antes do acidente ele estaria em uma confraternização na casa de amigos e, conforme boletim de ocorrência, apesar de ter se recusado a fazer o teste de bafômetro, a Polícia Militar redigiu termo de constatação de embriaguez, tendo em vista que ele aparentava sinais de estar sob efeito de álcool.


O delegado João Reis Belo explicou que o resultado de laudos periciais será determinante para esclarecimento dos fatos, especialmente o laudo de local, que vai ajudar a descobrir a velocidade em que o militar trafegava antes de atingir a traseira do carro da vítima.


A expectativa é de que os resultados dos laudos cheguem nos próximos dias, para que o inquérito seja concluído no início da semana que vem. Por outro lado, a defesa aguarda análise do pedido de revogação da prisão preventiva do policial, sob justificativa de que ele é réu primário e tem bons antecedentes. Ele encontra-se recolhido no Presídio Militar.


 Morte da professora


O acidente que matou a professora Suellen Vilela Brasil aconteceu na Avenida Gury Marques, região do bairro Cidade Morena, na noite de sábado (30). O policial estaria embriagado e foi autuado em flagrante por homicídio culposo.


A professora Suellen seguia em um veículo Renault Clio, sentido Avenida Guaicurus, quando em frente a uma empresa de transportes, reduziu a velocidade, momento em que o veículo que dirigia, foi atingido na traseira pelo Gol dirigido pelo policial. Com o impacto, o automóvel de Suellen foi lançado à direita e atingiu uma árvore.


Ela não resistiu e morreu no local. O Gol, por sua vez, saiu pela esquerda, atravessou o canteiro central e parou na outra faixa de rolamento.


Stein afirmou que estava saindo do Bairro Moreninhas e, logo adiante, se deparou com a vítima reduzindo a velocidade. Ele não conseguiu frear a tempo e bateu no Clio de Suellen. Diante dos fatos, foi preso e encaminhado à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) das Moreninhas, pois reclamava de dores pelo corpo.


Advogado falou com o Midiamax após interrogatório. Foto: Divulgação


 




 

Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Militar envolvido em acidente com vítima diz que bebeu "

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões na quarta

  Investigação: Quem matou Carla quis dar 'recado'

  Secretário deAgricultura é morto a facadas em barbearia

+Notícias mais lidas da semana

'Dia triste', diz secretário diante de 16 mortes em 24h
91 pacientes estão internados em leitos de UTI
Energia mais cara incentiva uso da energia solar
No MS, foram aplicados mais de R$ 100 milhões do FCO em placas solares neste ano
OLX cria verificação com foto de documento em MS
Medida veio após enxurrada de golpes nas negociações.
Alta velocidade e neblina provocam capotamento de Hilux
Foi na BR-262 sentido Ribas do Rio Pardo. Três se feriram.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®