Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Mato Grosso do Sul / Reflorestamento

Publicado em: 09/01/2020 - 17:55:58

MS deve expandir setor florestal em 2020
Produção de eucaliptos deve manter força e ampliar os 1,1 milhão de ha plantados hoje em MS. (Arquivo)Produção de eucaliptos deve manter força e ampliar os 1,1 milhão de ha plantados hoje em MS. (Arquivo)


Dominando 37% das exportações do Estado em 2019, a celulose deve continuar em alta na balança comercial de Mato Grosso do Sul também neste ano. Maior exportador de celulose do Brasil, o Estado elevou as vendas externas em 4,3%, comercializando US$ 1,9 bilhão ou o equivalente a 4,2 milhões de toneladas do produto.Com isso o setor florestal tem previsão de crescimento expressivo.



Hoje, com 1,1 milhão de hectares cultivados, o Estado é considerado o segundo maior produtor de florestas plantadas de eucalipto do Brasil, concentra grandes indústrias de papel e celulose, uma fábrica de MDF, as siderúrgicas estão retomando suas operações e há boas perspectivas para o futuro da cadeia de base florestal no Estado.


“Recentemente a Suzano anunciou a aquisição de 106 mil hectares de terra e a compra da Licença de Instalação de uma fábrica de celulose em Ribas do Rio Pardo-MS, com capacidade anual de até 2,2 milhões de toneladas e, a Eldorado Brasil está construindo uma usina de produção de energia limpa, a partir de tocos e raízes dos eucaliptos colhidos para a fabricação da celulose. Esses investimentos mudarão cada vez mais o panorama da região e transformarão a vida de muitas pessoas. Estamos muito felizes e aproveitamos para parabenizar todos que tem contribuído com estes projetos", destaca Moacir Reis, presidente da Associação Sul-Mato-Grossense de Produtores e Consumidores de Florestas Plantadas (Reflore/MS).


A divulgação da Suzano de compra da Licença de Instalação de uma fábrica de celulose beneficia não só o município de Ribas do Rio Pardo, mas toda região, principalmente as cidades vizinhas. A expectativa é que o estado seja consolidado como um dos principais produtores de celulose do Brasil e do mundo. A usina de produção de energia limpa da Eldorado Brasil, a Onça Pintada, será a primeira do Brasil a produzir eletricidade a partir de tocos e raízes dos eucaliptos colhidos para a fabricação da celulose. Quando entrar em operação, em janeiro de 2021, a usina fornecerá 50 megawatts hora ao Sistema Elétrico Nacional.


Positivo - Diante disso o cenário para os próximos anos é positivo. O setor visualiza crescimento acompanhado pelos produtores rurais, empresários e empresas que tem investido na cadeia e pelo trabalho do governo e das prefeituras. Na avaliação da Reflore-MS, junto com o desenvolvimento surgirão novos postos de trabalho e fontes de renda. Para tanto é importante que a população busque capacitação.


“É essencial que todos se preparem para as oportunidades que virão. A gente vê, por exemplo, o crescimento de Três Lagoas; frequentemente o município está entre as 10 cidades que mais crescem no Brasil. Ribas do Rio Pardo agora deve se desenvolver ainda mais. E acreditamos que outros projetos virão, temos escutado de especialistas da área que, entre 2025 e 2030, teremos mais duas fábricas de celulose operando, então o potencial é enorme", completa.


A Reflore/MS já se prepara para uma série de ações neste ano para dar suporte ao setor. Em agosto, a Associação será uma das realizadoras do Show Florestal, feira focada no setor florestal que acontecerá em Três Lagoas-MS. Dentro deste evento, a entidade realizará o seu tradicional ´Congresso MS Florestal´ e o ´III Encontro de Comunicação do Agro´.


“O setor florestal tem contribuído muito para o agronegócio sul-mato-grossense e cada vez mais temos buscado compartilhar informações sobre a cadeia, mostrar os diferenciais do estado, representar os produtores e consumidores de florestas plantadas. Precisamos ser mais competitivos, conquistar novos investidores e aproveitar todo o potencial do nosso estado", conclui Reis.


Produção de eucaliptos deve manter força e ampliar os 1,1 milhão de ha plantados hoje em MS. (Arquivo)





 

Campo Grande News / Camapu News

Opiniões

0 Comentários para "MS deve expandir setor florestal em 2020"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Covid: MS já perdeu 14 profissionais da linha de frente

  Zilu perde 3 processos que movia contra Zezé di Camargo

  Cantor sertanejo e mais 3 morrem em acidente de carro

+Notícias mais lidas da semana

Motociclista morre sofrer acidente na Cônsul Assaf Trad
Foram quatro mortes de motociclistas neste final de semana na Capital
Em passeio de moto, jovem sofre acidente e morre
Ele esta com amigos. Foi na MS-080, próximo a Corguinho.
Delegado com covid continua na UTI e faz hemodiálise
Delegado foi transferido no dia 5 para o Hospital Albert Einstein, em São Paulo
Estado tem 21 mortes registradas nesta terçça-feira(11)
Campo Grande atingiu hoje a marca de 200 mortes
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®