Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Mato Grosso do Sul / Geral

Publicado em: 28/11/2019 - 16:41:16

Em MS, população tem chance de viver até os 76,1 anos
Arte: Ricardo OliveiraArte: Ricardo Oliveira


Em 2018, cada sul-mato-grossense nascido tinha expectativa de chegar aos 76,1 anos. São cinco meses a mais que a “esperança de vida” em 2017, segundo divulgou nesta quinta-feira o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografica e Estatística). No ano passado, o “limite”, considerando a qualidade de vida dos moradores do Estado, para resumir o conceito, era de 75,8 anos.


Em relação aos outros estados, é a 11º maior expectativa de vida. As mulheres, como acontece historicamente, vivem mais. No Estado, até os 79,9 anos. Os homens, em média, vivem até os 72,6 anos.




O IGBGE indicou, ainda, a chance de um recém nascido não sobreviver ao primeiro ano de vida. Paras os bebês sul-mato-grossenses, ela é de 13,8%. Houve aumento de 0,2 pontos percentuais em relação ao levantado em 2017. O dado supera a média nacional, de probabilidade de mortalidade antes de completar 12 meses para 12,4 das crianças.


País – O número apontado para Mato Grosso do Sul é abaixo da média nacional, de expectativa de vida de 76,3 anos no ano passado. Para os homens, a faixa de 72,5 anos em 2017 para 72,8 anos em 2018. As mulheres saíram de 79,6 para 79,9 anos.


Os dados fazem parte da Tábua Completa de Mortalidade para o Brasil – 2019, levantamento usado como parâmetro para determinar o fator previdenciário, no cálculo das aposentadorias do Regime Geral de Previdência Social.


Arte: Ricardo Oliveira





 

Campo Grande News / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Em MS, população tem chance de viver até os 76,1 anos"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Toffoli marca julgamento sobre inquérito das fake news

  Gaeco faz ações na prefeitura e casas em Bandeirantes

  MS: delegado suspeito de sumiço de drogas está preso

+Notícias mais lidas da semana

Último 'te amo' foi bilhete lido por médico na UTI
Magno e Laís estão entre os primeiros com covid na Capital, mas como a doença nã
OMS suspende testes com cloroquina e hidroxicloroquina
Suspensão ocorre depois que estudo com 96 mil pacientes não viu efeito
Vendas aos EUA caem e China segura superávit do MS
As exportações para os chineses aumentaram 4,76% entre janeiro e abril deste ano
Homem ameaça avô e é morto a tiros pela tia
Caso aconteceu em um assentamento em Rio Verde de Mato Grosso
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®