Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Polícia / Assassinato

Publicado em: 08/07/2019 - 07:46:56

Briga por causa de galinha termina em assassinato

Foi assassinado com um tiro na cabeça neste sábado (6), na cidade de Porto Murtinho – a 454 quilômetros de Campo Grande – Anastácio Meza conhecido como ‘Cabelo’. O crime teria acontecido após uma discussão da esposa de ‘Cabelo’ com a vizinha.


A mulher da vítima teria começado uma discussão com a vizinha depois que uma galinha teria entrado no quintal de sua casa. Um segurança de uma empresa, então, teria feito um disparo que atingiu a parte de trás da cabeça de Anastácio saindo pelo olho.


Horas depois do crime, o autor acabou preso sendo identificado como Ademir Rolon. A arma usada para cometer o crime foi encontrada em uma caixa de esgoto. Segundo o site Porã News, a vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu e morreu. Não se sabe sobre o depoimento e o que Ademir teria dito a polícia.








Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Briga por causa de galinha termina em assassinato"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Paratleta de MS conquista ouro e prata no Japão

  OAB suspende 4 advogados envolvidos em crimes

  Amônia intoxica 25 funcionários e paralisa frigorífico

+Notícias mais lidas da semana

Para comemorar o Dia da Árvore, TJMS distribui mudas
Serão distribuídas 600 mudas de árvores.
'MINHA PRAÇA MUTILADA' - poema expressando indignação!
Fotos 'inteiras' e fotos 'estragadas'. MAS A CONSCIÊNCIA ESTÁ CHEGANDO!
Campanha para conselheiros tutelares de Camapuã começou
Conheça os candidatos.
Suspeito de cometer estupros em série é preso
Ele é suspeito de abusar sexualmente de 47 mulheres.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®