Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Mato Grosso do Sul / Geral

Publicado em: 14/05/2019 - 07:46:59

Financiamento de placas fotovoltaicas será liberado

Durante a reunião realizada entre a diretoria de Governo do Banco do Brasil e o Comitê Técnico do Conselho Deliberativo do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Condel/Sudeco), ficou definido que pessoas físicas poderão solicitar linha de crédito específica para aquisição e instalação de placas fotovoltaicas em residências ou condomínios residenciais. 


A data aprovada é 1º de setembro e o recurso será disponibilizado via Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO), conforme informado pela Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro). 


“O FCO dispõe de R$ 100 milhões para financiar projetos dessa natureza. É um percentual do volume total de recursos para o Centro-Oeste, que já está previsto na regulamentação e na programação orçamentária do Fundo. Foi uma conquista capitaneada pelo Governo de Mato Grosso do Sul e aprovada com os demais governadores”, explica o titular da Semagro, Jaime Verruck.


DETALHES DO CONTRATO


O financiamento de aquisição isolada de sistemas de micro e mini geração distribuída de energia elétrica por meio de fontes renováveis foi inserido na Resolução CONDEL/SUDECO n. 77, de 04 de abril de 2018. 


De acordo com o titular da Semagro, “esse tipo de financiamento via FCO para pessoa física foi uma inovação que implantamos, numa ótica estratégica para estimular a energia renovável e fomentar o mercado de montagem, venda de placas, manutenção. Teremos 3 meses para a utilização dos R$ 100 milhões disponíveis, mas essa é uma linha de crédito para a qual há uma demanda emergente e acreditamos na aplicação em sua totalidade”.


A dificuldade, segundo o que foi apresentado pelo Banco do Brasil na reunião do Comitê Técnico do Condel, está sendo a adequação dos procedimentos internos da instituição para realizar uma operação dessa natureza. 


“O banco informou que o sistema ainda está em desenvolvimento pois tem de atender as exigências do FCO, com uma análise de crédito individual, com base na capacidade de endividamento da pessoa física e operações rápidas. Mas o compromisso assumido foi de que essa linha estará disponível a partir de 1º de setembro para clientes pessoa física”, acrescentou Verruck.


A linha de crédito do FCO permite o financiamento, com o teto de R$ 100 mil, de todos os bens e serviços necessários à viabilização do projeto de micro e mini geração de energia elétrica, com prazo de até 8 anos, incluindo o período de carência de até 6 meses.


*Com informações da Semagro


Foto: Arquivo Correio do Estado




 

Correio do Estado / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Financiamento de placas fotovoltaicas será liberado"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Homem morre atropelado pela própria camionete

  Adélio diz que agrediu Bolsonaro 'ao ouvir voz de Deus'

  Luan Santana se envolve em acidente em estrada

+Notícias mais lidas da semana

Camapuã recebe o 'Projeto Nossa Energia' nesta semana
Iniciativa é da Energisa que utiliza a unidade móvel para realizar a ação.
Homem é esfaqueado ao invadir casa do ex da namorada
O caso aconteceu em Camapuã na madrugada de domingo (11).
Polícia recupera em MS veículo roubado há 20 anos em SP
Automóvel estava com dois bolivianos abordados na fronteira.
Vilões do estômago: 6 hábitos que atrapalham a digestão
Mudar atitudes simples pode reduzir o desconforto após comer.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®