Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Ministério Público / Transparência

Publicado em: 16/01/2019 - 17:00:55

MPE/MS gastou R$ 220 mil em diárias em dezembro

O MP-MS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta terça-feira (15), relatório de gastos com diárias e passagens de procuradores, promotores de Justiça e servidores do órgão no mês de dezembro. No total, foram gastos R$ 220.883,00, mas R$ 32.761,10 só com passagens.


Os pagamentos variam de R$ 93,66 a R$ 156,10, R$ 312,20, R$ 718,06, no caso de servidores, mas alguns membros chegaram a receber até R$ 4.113,59, por um único compromisso funcional, como no caso de um procurador, que participou de congresso em Bonito, distante 300 km de Campo Grande, com carro particular.


A verba é paga a servidores e membros do órgão pelos dias trabalhados fora dos municípios onde atuam. As diárias cobrem viagens feitas de avião, carros oficiais, particulares e ônibus. O valor pago no mês de dezembro, vem seguindo a linha dos meses anteriores. Só em novembro, o órgão gastou R$ 290 mil com os pagamentos.


Entre os compromissos, estão participação em juris, audiências, seminários, congressos, reuniões, vistorias técnicas em comarcas do interior, atividades administrativas, além da participação em workshops para treinamentos gerenciais. Na lista também constam inúmeros pagamentos sigilosos, que variam de R$ 156, 10 a R$ 312,20, R$ 468,30, R$ 624,40, R$ 1.248,80 a R$ 1.717,10, por viagens em veículos oficiais.


Na publicação, é possível verificar o nome do servidor ou do membro, cargo ocupado, data em que o compromisso ocorreu, partidas e destinos, valor da passagem – quando a viagem não foi feita em veículo oficial – e, ainda, número de diárias e valor pago por elas.




Órgão inaugurou nova fachada em 2018 (Foto: Divulgação/Assecom)




 

Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "MPE/MS gastou R$ 220 mil em diárias em dezembro"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Toffoli marca julgamento sobre inquérito das fake news

  Gaeco faz ações na prefeitura e casas em Bandeirantes

  MS: delegado suspeito de sumiço de drogas está preso

+Notícias mais lidas da semana

'Caminho é cadeia ou cemitério', lamenta mãe
A frase é da mãe do adolescente morto durante assalto à policial.
Último 'te amo' foi bilhete lido por médico na UTI
Magno e Laís estão entre os primeiros com covid na Capital, mas como a doença nã
OMS suspende testes com cloroquina e hidroxicloroquina
Suspensão ocorre depois que estudo com 96 mil pacientes não viu efeito
Vendas aos EUA caem e China segura superávit do MS
As exportações para os chineses aumentaram 4,76% entre janeiro e abril deste ano
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®