Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Caarapó / Política

Publicado em: 26/11/2018 - 09:46:27

Caarapó: André Nezzi é eleito prefeito com 87,95%


O presidente da Câmara de Caarapó, André Nezzi (PDT), foi eleito neste domingo (25) prefeito do município, em eleição extraordinária convocada pelo TRE (Tribunal Regional Eleitoral). Com 100% das urnas apuradas, o pedetista atingiu 87,95% dos votos válidos, o equivalente a 10.554 faltando apenas quatro urnas (5,97% do total) para serem apuradas. Ele disputou a eleição contra Elzo Cassaro (Avante), que chegou a 12,05% dos votos (1.446).


A votação foi marcada por uma alta abstenção: 7.378 eleitores (36,18% do total de 20.393) não compareceram às urnas em Caarapó, município com aproximadamente 30 mil habitantes localizado no sul do Estado. Também foram registrados 379 votos brancos (2,91%) e 636 nulos (4,39%). O total de votos válidos foi de exatos 12 mil.


“Avalio esse resultado com muita felicidade. São números acima do esperado, expressivos até em nível de Brasil e mostram que a população tem confiança na gente”, destacou Nezzi, por telefone ao Campo Grande News.


Ele já respondia interinamente pela Prefeitura de Caarapó desde a cassação de Mário Valério (PR) e de seu vice, Martin de Araújo (DEM), eleitos em 2016 e cassados em 28 de agosto deste ano sob acusação de abuso de poder econômico –eles teriam distribuído combustíveis para eleitores e usado indevidamente veículos de comunicação durante a campanha, conforme decisão mantida pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).


Agora com a titularidade garantida nas urnas, Nezzi, que é jornalista e radialista, afirma que a meta na prefeitura será “enxugar ao máximo a máquina pública, para que a prefeitura possa ter recursos próprios para não depender do governo e dos parlamentares. Assumimos com uma folha salarial alta e a receita baixa”.


Enquanto respondia interinamente pela prefeitura, Nezzi disse que encontrou a folha do funcionalismo consumindo 60% da receita corrente líquida (soma das receitas próprias menos as obrigações constitucionais), quando a LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal) limita esse gasto a 54%. “O desafio até dezembro é baixar. Já vínhamos trabalhando com essa meta e chegamos a 56% (da receita líquida). Agora é baixar para 54% e terminar o ano. Não era uma folha minha, mas tenho de responder por isso”, destacou, atribuindo os problemas ao antecessor.


Apesar da situação, Nezzi afirma que a folha salarial está em dia. O novo prefeito coloca, também, a elevação da receita própria entre as metas da gestão.


O agora prefeito eleito liderou uma coligação de dez partidos (PDT, PRB, Progressistas, PT, MDB, PSB, PR, DEM, PSDB e PTC), que, segundo ele, é resultado da proposta defendida de ser necessário unificar a cidade para superar a crise.


“Independentemente de pertencermos a grupos políticos procuramos partidos de adversários a aliados do ex-prefeito. A maioria atendeu, mas dois não aceitaram e lançaram a candidatura, o que respeitamos. Mas o resultado mostra que estávamos com razão: Caarapó não pode se dividir. A população queria união. Perdemos muito com a cassação do prefeito e possíveis idas e vindas”, destacou.


 André Luíz Nezzi de Carvalho, do PDT, foi eleito prefeito de Caarapó neste domingo (25), em eleição suplementar — Foto: Martim Andrada/TV Morena


 




 

Caarapo News / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Caarapó: André Nezzi é eleito prefeito com 87,95%"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

Ex-vereadores de 3 cidades devolverão R$ 124,4 mil

  Uma menina de 3 anos viu os pais serem mortos a facadas

Bolsonaro tem 43% de rejeição e 33% de aceitação

+Notícias mais lidas da semana

Mulher com Covid fura isolamento e é presa em MS
Foi em Ponta Porã. Ela vai ter que ficar em casa e com tornozeleira.
'Caminho é cadeia ou cemitério', lamenta mãe
A frase é da mãe do adolescente morto durante assalto à policial.
28 crianças testaram positivo para coronavírus em MS
Nenhuma delas ficou internada. 22 ainda estão em isolamento domiciliar.
MS: Vereador é condenado por receptação de gado furtado
A pena é de quatro anos, quatro meses e seis dias de prisão
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®