Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Geral / Geral

Publicado em: 08/11/2018 - 16:57:39

Justiça determina que Estado regularize IML de Naviraí

Após ação movida pelo Ministério Público Estadual, a Justiça determinou que o Estado providenciasse melhorias para o IML (Instituto Médico Legal) de Naviraí, a 360 km de Campo Grande. Estado tem 180 dias para cumprir as determinações.


Na denúncia, o MPE apurou que, apesar de ter instalado o núcleo na cidade, a unidade não tem estrutura suficiente e adequado para as funções públicas, fazendo os trabalhos de forma improvisada.


Conforme o TJMS (Tribunal de Justiça), os desembargadores da 2ª Câmara Cível. No dia 2 de setembro de 2015, a Vigilância Sanitária Estadual fez uma inspeção no necrotério municipal e constatou diversas irregularidades.


Entre os principais problemas estava a falta de gerenciamento de resíduos e falta de local próprio para abrigo de resíduos, além de a sala usada para necropsia estar suja e desorganizada. Além disso, a necropsia em corpos e ossadas são realizadas na mesma sala, estando fora das normas.


Assim, por maioria, os desembargadores da 2ª Câmara Cível deram provimento ao pedido do Ministério Público para obrigar o Estado de MS a regularizar a situação, nos termos do voto do relator designado, Des. Paulo Alberto de Oliveira.


“Conheço do recurso interposto pelo Ministério Público Estadual e dou provimento para, retificando a sentença em Reexame Necessário, determinar que o Estado de MS, no prazo máximo de um ano, elabore projeto técnico prevendo e assegurando os custos das reformas estruturais apontadas, inclua no orçamento estadual para execução no próximo ano, ou apresente soluções para as respectivas exigências sanitárias, visando a realização das perícias necroscópicas no Núcleo Regional de Medicina Legal de Naviraí. No tocante às obrigações de fazer dos demais itens, por não se tratar de reforma estrutural, determino que o requerido implemente-as no prazo de 180 dias”, concluiu o Des. Paulo Alberto de Oliveira.




(Foto: Ilustrativa) 




 

Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Justiça determina que Estado regularize IML de Naviraí"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Ação: Abaixo-assinado contra aumento de salários do STF

  Durante briga em casa, mulher reage, esfaqueia marido

  Jovem baleado em execução do pai está em estado grave

+Notícias mais lidas da semana

Mulher é morta após briga por causa de dinheiro
Teria pedido R$ 50 emprestado.
Camapuã:Motorista que capotou na BR-060 será indenizado
Empresa responsável pelo recapeamento terá que pagar R$ 40 mil.
Bandidos explodem agências bancárias em Chapadão do Sul
Fortemente armados, explodiram agências da Caixa Econômica e Banco do Brasil
Caminhoneiro rasga roupas,quebra dente e estupra menina
Foi em Paraíso das Águas. Ele foi preso porque perdeu o boné no local do estupro
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®