Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Mato Grosso do Sul / Eleição 2018

Publicado em: 10/10/2018 - 08:49:21

Quase 400 mil pessoas terão que justificar voto em MS

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou nesta terça-feira (9), que os eleitores brasileiros que não votaram ou justificaram a ausência no 1º turno das eleições (7 de outubro), já podem regularizar a situação junto à Justiça Eleitoral, através da internet. 


Em Mato Grosso do Sul, 21,22% dos 1.876.929 de eleitores não compareceram às urnas no domingo, totalizando 398.287 pessoas. No comparativo com o pleito anterior, em 2014, o não-comparecimento aumentou menos de 1%, visto que no período foram computados 20,53% ausentes. 


Para facilitar a regularização eleitoral foi disponibilizada uma ferramenta online desenvolvida especificamente para a justificativa que deve ser apresentada pelo eleitor em até 60 dias, contados a partir da realização de cada turno da eleição. Enquanto isso, as pessoas que estiverem fora do Brasil terão prazo de 30 dias para concluir o cadastro.


INSTRUÇÕES


O eleitor que precisa apresentar a justificativa deve acessar o portal do TSE ou do Tribunal Regional Eleitoral do estado no qual vota e preencher os dados pessoais, declarar o motivo da ausência nas urnas e anexar documentação comprobatória digitalizada. 


A justificativa será então encaminhado à zona eleitoral a que pertence o eleitor para exame pelo juiz competente. Concluído o requerimento, será gerado um código de protocolo para acompanhamento da justificativa. O acolhimento das alegações apresentadas ficará a critério do juiz eleitoral e o eleitor será notificado da decisão. Caso a justificativa seja acolhida, será feito o registro no histórico do cadastro eleitoral.


CARTÓRIO ELEITORAL


O eleitor pode justificar a ausência às eleições tantas vezes quantas forem necessárias.Outra opção para fazê-lo é preencher o Requerimento de Justificativa Eleitoral (pós-eleição) disponível na internet e entregá-lo em qualquer cartório eleitoral ou enviá-lo, pelos Correios, ao juiz da sua zona eleitoral. 


O prazo é o mesmo para a justificativa pela internet: até 60 dias após cada turno da votação, acompanhado da documentação que comprove a impossibilidade de comparecimento ao pleito e de um documento de identificação com foto.


NO EXTERIOR


O eleitor inscrito no país que esteja no exterior no dia do pleito e queira justificar a ausência antes do retorno ao Brasil deverá fazer o pedido pelo Sistema Justifica ou poderá encaminhar o Requerimento de Justificativa Eleitoral (pós-eleição) ao juiz da zona eleitoral onde for inscrito, nos prazos estabelecidos ou no período de 30 dias contados da data do retorno ao Brasil.


Por fim, todo cidadão deve estar atento a eventual revisão do eleitorado no município onde for inscrito, já que o não atendimento à convocação da Justiça Eleitoral pode levar ao cancelamento do seu título eleitoral. Os eleitores com inscrição cancelada devem justificar a ausência para não ficarem em débito com o sistema eleitoral.


Foto: Bruno Henrique/Correio do Estado - Prazo de justificativa para quem estiver no exterior é menor, 30 dias




 

Correio do Estado / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Quase 400 mil pessoas terão que justificar voto em MS"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Em vídeo, Bolsonaro diz por que exonerou Bebianno

  Jovem é preso na BR-060 com maconha que saiu da Capital

Honestidade é para todos. Pena que poucos a tem

+Notícias mais lidas da semana

Câmara realiza Sessão Inaugural com presença doPrefeito
Delano Huber, acompanhado de praticamente da equipe, fez leitura de sua mensagem
Camapuã:Espaço Cultural da Câmara traz volta ao passado
Além da galeria de presidentes, ‘Espaço Cultural José Jonas’ expõe fotos antigas
Jornalista Boichat morre em queda de helicóptero em SP
Aeronave bateu na parte dianteira de um caminhão na Rodovia Anhanguera
Jovem de 19 anos é morto a tiros em confronto com PMs
Morte ocorreu de madrugada no Jardim Água Boa, quando PMs foram recebidos a tiro
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®