Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Política / Eleição de 2018

Publicado em: 09/08/2018 - 20:45:47

TRE-MS nega pedido de Reinaldo sobre rede social

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sofreu uma derrota no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) nesta quinta-feira (9). Candidato à reeleição, o tucano tentava na Justiça Eleitoral a retirada de página e perfil no Facebook, que criticavam sua gestão, citando trechos da delação de executivos da JBS que o implicaram em suposto esquema de concessão de benefícios fiscais em troca de propina.


Representado pelo advogado José Rizkallah Júnior, o PSDB de Azambuja argumentou que a publicação em questão estaria denegrindo a imagem do atual chefe do Parque dos Poderes, “criando estados mentais no eleitorado”, ao “distorcer informações”, classificadas pelo diretório como Fake News.


A Executiva Estadual também sustentou que o vídeo teria sido editado a fim de prejudicar a campanha do tucano, ao trazer trechos da delação que já teria, argumentaram, sido rescindida pela PGR (Procuradoria Geral da República). A rescisão ainda não foi homologada pelo STF (Supremo Tribunal Federal).


Além da exclusão do perfil e da página, a defesa ainda pediu que a Justiça Eleitoral ordenasse que o suposto crime eleitoral fosse investigado pelo MPE (Ministério Público Eleitoral). Na decisão, o juiz Juliano Tannus julgou desproporcional o pedido de retirada da postagem, por entender que a publicação não passava de mera crítica política e que a retirada poderia ferir o direito à liberdade de expressão e configurar-se censura.


Censura


“As expressões contidas na indigitada postagem constituem mera crítica política, a qual não pode ser cerceada em razão da livre manifestação do pensamento, a qual não é considerada propaganda eleitoral mesmo que sob a forma de crítica. Elogio e crítica fazem parte da dialética democrática, sendo desarrazoado tolher do cidadão o livre exercício desses direitos constitucionais, não se justificando a censura”, ponderou o magistrado.


Tannus ainda rechaçou o argumento do diretório de que as informações citadas sobre a delação dos executivos da JBS, que acusaram Reinaldo de supostamente ter recebido R$ 70 milhões em propina nos últimos 2 anos, seriam falsas.


“Assisti ao vídeo e ouvi o áudio atentamente e percebi que não houve edição, também, aparentemente, não vejo que informações tenham sido distorcida, sendo pura e simplesmente parte da delação e, posterior comentário, sem qualquer ofensa ao pré-candidato Reinaldo Azambuja. Como resta sabido, essa delação foi amplamente divulgada em tempos, alhures, portanto, de conhecimento público”, justificou o magistrado em sua decisão.


Mesmo negando o pedido de Reinaldo, o juiz notificou o Facebook Serviços Online do Brasil LTDA para que forneça, no prazo máximo de três dias, o número do IP onde o perfil foi acessado entre os meses de junho e julho de 2018, além do e-mail e números de telefone vinculados à conta, sob pena de multa de R$ 30 mil por cada dia de descumprimento. A decisão é do dia 3 de agosto, mas só foi publicada em Diário Oficial nesta quinta-feira (9).




(Foto: Arquivo/Midiamax)




 

Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "TRE-MS nega pedido de Reinaldo sobre rede social"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Bonito: chef de cozinha é preso por furtar picanha

  Na virada de hoje para amanhã terá 'Superlua de Sangue'

  Três morrem e 5 ficam feridos no 2º acidente do domingo

+Notícias mais lidas da semana

Camapuã: procuradores entram com ação contra o Prefeito
Advogados concursados foram substituídos por comissionados e buscam direitos.
Jovem morre em capotamento na MS-306 em Chapadão do Sul
Acidente aconteceu durante tentativa de ultrapassagem.
As Celebridades Brasileiras Com Mais Dinheiro

Suspeito de matar transexual é investigado por estupro
Também foi em Camapuã. Menor se jogou morro abaixo para fugir do agressor.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®