FECHAR
> Três Lagoas / Violência doméstica

Publicado em: 16/06/2018 - 19:10:04

Marido joga óleo diesel e tenta incendiar esposa

Um homem de 53 anos foi preso na última quinta-feira (14) depois de tentar matar a esposa de 67 anos queimada, na cidade de Três Lagoas, a 346 quilômetros de Campo Grande.


Segundo a Polícia Civil, o autor estaria bêbado quando começou uma discussão com sua esposa. Ele jogou dois litros de óleo diesel na companheira e só não a matou porque o isqueiro falhou quando ele tentou incendiá-la.


A vítima aproveitou para fugir e pedir ajuda a uma vizinha, que chamou a polícia. Os militares encontraram o criminoso dormindo em casa. Ele confessou a tentativa de feminicídio e disse que estava embriagado no momento. Segundo seu depoimento, a intenção era colocar fogo na companheira e abraçá-la para morrerem juntos.


O homem foi levado para a delegacia e deve ser indiciado por tentativa de feminicídio.


Foto: Divulgação




 

Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Marido joga óleo diesel e tenta incendiar esposa"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Bolsonaro tem mais que o dobro de apoio de Haddad em MS

  Uso abusivo de álcool mata 3 milhões de pessoas ao ano

  Reinaldo lidera com 42,94% e Odilon tem 29,35%

+Notícias mais lidas da semana

Camapuã: Escola Camilo Bonfim completa 50 anos
Em localização privilegiada, a Escola Camilo Bonfim foi inaugurada em 1968.
Camapuã: chuva faz adiar evento no Camilo Bonfim
Evento foi transferido para terça-feira (18), amanhã, com a mesma programação.
Camapuã:Mulher sofre emboscada e é agredida pelo marido
A vítima registrou o caso e pediu uma medida protetiva contra o autor.
Neto é detido por morte de ex-diretora da Fetems
Adolescente de 17 anos e amigo queriam 'assassinar alguém'.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®