FECHAR
> Geral / Geral

Publicado em: 14/06/2018 - 10:11:53

Polícia de SP passou 1ano investigando ação doPCC em MS

Policiais Civis de São Paulo e o Ministério Público fazem uma megaoperação contra o Primeiro Comando da Capital (PCC) e cumprem 75 mandados de prisão em 14 estados brasileiros. Deste total, 35 são em São Paulo.


De acordo com informações da polícia, os trabalhos da operação interestadual Echelon foi iniciada há 12 meses e conta também com a participação da Secretaria de Administração Penitenciária de São Paulo.


As investigações começaram quando agentes penitenciários encontraram fragmentos de manuscritos na rede de esgoto do Presídio de Segurança Máxima de Presidente Venceslau, no interior paulista.
Na ocasião a Polícia Civil foi acionada para investigar o caso e acabou identificando sete líderes de organização criminosa, além de revelar a existência de uma ligação da facção com outros países vizinhos ao Brasil.


Até agora foram identificados 103 integrantes, dos quais 75 devem ser presos nesta quinta. Os outros estados que recebem ações da Echelon são: Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Pará, Alagoas, Minas Gerais, Goiás, Tocantins, Roraima, Rio Grande do Norte, Acre, Amapá e Manaus.


Alguns integrantes da célula que já estão presos serão ouvidos nas próprias penitenciárias. Também serão cumpridos outros 59 mandados de busca e apreensão nos estados atingidos pela investigação.


De acordo com a Polícia Civil, a rede identificada é responsável por acirrar a disputa entre facções do país, que já resultou em mais de cem mortes. Parte da operação tem provas sobre 12 homicídios.


A operação Echelon também investiga a ligação dos envolvidos com o desaparecimento de pessoas. Nos meses de investigação, mais de uma tonelada de drogas foram apreendidas. Um dos líderes da célula foi preso no aeroporto de Guarulhos no mês passado, quando retornava da Bahia.


 






Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Polícia de SP passou 1ano investigando ação doPCC em MS"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  MS tem 61 mil eleitores impedidos de votar

  Ibope: Bolsonaro tem 28%, Haddad tem 22% e Ciro 11%

  Marta é eleita melhor jogadora do mundo pela sexta vez

+Notícias mais lidas da semana

Camapuã: chuva faz adiar evento no Camilo Bonfim
Evento foi transferido para terça-feira (18), amanhã, com a mesma programação.
Container tomba em empresa JBS e mata manobrista
A vitima foi identificado como sendo Ademir José de Souza, que era de Camapuã
Homem é preso 902 quilos de drogas na BR-060 em Camapuã
Suspeito receberia R$ 2 mil para levar droga até Goiânia
Frigorífico lamenta morte de funcionário em trabalho
Ademir José de Souza era natural de Camapuã. Está sendo velado em Campo Grande.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®