Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Economia / Secretaria da Receita Federal

Publicado em: 16/05/2018 - 06:34:31

Maiores devedoras de MS têm R$101 mi em dívidas do FGTS

Cerca de 7 milhões de trabalhadores no País estão com seus depósitos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) irregulares e só em Mato Grosso do Sul são 3.844 empresas devedoras, segundo dados da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN).


O montante devido, entre as 15 maiores devedoras do Estado, chega a R$ 101,143,543,12 milhões em dívidas ativas cobradas pelo órgão. No Brasil, o valor do débito chegou a R$ 27,8 bilhões em abril. 


Segundo especialistas, as empresa costumam escolher o FGTS como uma das primeiras dívidas a não serem pagas assim que começam a sofrer com dificuldades financeiras. Muitas já se encontram em estado de recuperação judicial ou a empresa já declarou falência, o que tornaria pouco provável que o fundo recebesse o total montante devido.


Em MS, das 15 maiores devedoras, oito são usinas e duas são empresas de atividade hospitalar, além de uma empresa de transporte urbano, uma loja de materiais de construção, uma concessionária de veículos e uma empresa de atividade pecuária.


Quatro companhias estão situadas na Capital e o restante no interior do Estado, em cidades como Sidrolândia, Brasilândia, Naviraí, Coxim, Dourados e Santa Rita do Pardo.


NACIONAL


Segundo levantamento do Portal Uol, dos R$ 27,8 bilhões de dívidas de empresas em todo o País, algumas são de massas falidas de empresas conhecidas, como a Varig, com uma dívida de R$ 820 milhões, e a Vasp, com R$ 160 milhões. As duas lideram o ranking geral.


Dentre as 15 maiores companhias em débito no Brasil, cinco são educacionais. A Associação Sociedade Brasileira de Instrução, dona da Universidade Cândido Mendes (terceiro lugar no geral -R$ 132 milhões), e a Gama Filho (quarto lugar -R$ 130 milhões) são as que acumulam as maiores dívidas no setor.


Na lista, também aparecem grandes empresas multinacionais, como a Vale (sexto lugar, com R$ 105 milhões) ou prestadoras de serviço como a Eletropaulo (oitavo lugar -R$ 91 milhões).


Confira TABELA 






 

Correio do Estado / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Maiores devedoras de MS têm R$101 mi em dívidas do FGTS"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Inovação à mesa: salada de músculo com maçã e nozes

  Juiz quer avaliação psicológica de advogada

  Jovem agride idosa de 80 anos a pauladas para roubar

+Notícias mais lidas da semana

Câmara realiza Sessão Inaugural com presença doPrefeito
Delano Huber, acompanhado de praticamente da equipe, fez leitura de sua mensagem
Camapuã:Espaço Cultural da Câmara traz volta ao passado
Além da galeria de presidentes, ‘Espaço Cultural José Jonas’ expõe fotos antigas
Jornalista Boichat morre em queda de helicóptero em SP
Aeronave bateu na parte dianteira de um caminhão na Rodovia Anhanguera
Marco da Praça Solon Borges recebe golpe da natureza
Há menos de 2 anos recebeu golpe da Prefeitura, quando foi arrancada o arco real
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®