FECHAR
> Polícia / Geral

Publicado em: 13/03/2018 - 07:35:37

'Milionário do Whatsapp' é executado dentro de academia

Felipe Iván Diaz Villalba que já foi preso por tráfico de drogas em 2017, e era conhecido como "milionário do whatsapp", foi executado na noite desta segunda-feira (12) dentro de uma academia em Pedro Juan Caballero no Paraguai.


Na época, Felipe foi preso por agentes da Divisão Antidrogas da Policia Nacional Paraguaia.


Ele era conhecido como "milionário do Whatsapp", por postar imagens na rede social, ostentando dinheiro, joias e carros de luxo. Ele chegou a ser preso com seu irmão, Fábio Diaz Villalba.


Na ocasião, de acordo com o site Ponta Porã Informa, foi encontrado com os irmãos a quantia de US$ 9,6 mil, dez armas de diferentes calibres e modelos, vários veículos e diversas joias de ouro.


 


(Foto: Divulgação) 




 

Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "'Milionário do Whatsapp' é executado dentro de academia"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  TRE-MS barra 10 candidaturas

  Juiz eleitoral diz que urna eletrônica é segura

  Morador põe fogo em lixo e quase incendeia casa

+Notícias mais lidas da semana

Camapuã: Escola Camilo Bonfim completa 50 anos
Em localização privilegiada, a Escola Camilo Bonfim foi inaugurada em 1968.
Camapuã: chuva faz adiar evento no Camilo Bonfim
Evento foi transferido para terça-feira (18), amanhã, com a mesma programação.
Neto é detido por morte de ex-diretora da Fetems
Adolescente de 17 anos e amigo queriam 'assassinar alguém'.
Camapuã:Mulher sofre emboscada e é agredida pelo marido
A vítima registrou o caso e pediu uma medida protetiva contra o autor.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®