Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Geral / Geral

Publicado em: 12/01/2018 - 16:22:48

Defesa Civil inicia alerta de desastres naturais

Começa nesta segunda-feira (15) o envio de alertas de desastres naturais via SMS pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Mato Grosso do Sul, com o objetivo de agilizar medidas preventivas que garantam a segurança da população. No Estado, 20 municípios estão sendo monitorados por conta das fortes chuvas, estando 13 deles sob decreto de situação de emergência.


“É uma importante ferramenta que vai auxiliar nosso trabalho nesse período crítico de chuvas. Podemos enviar tanto alertas para vários municípios ao mesmo tempo, quanto específicos, por exemplo, somente à população de Coxim informando sobre o nível alto do rio Taquari e orientando a população ribeirinha de como agir”, exemplifica o coordenador-adjunto da Defesa Civil Estadual, tenente-coronel Fábio Catarinelli.


Para ter acesso ao serviço gratuito, basta responder ao SMS que deverá ser enviado pelas operadoras de telefonia contendo a seguinte mensagem: “Defesa Civil Nacional informa: novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas de áreas de riscos. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse”.


Ao receber a mensagem, o cidadão interessado em receber os alertas deverá responder com o Código de Endereçamento Postal (CEP) de interesse. A partir daí ele receberá os alertas sempre que houver situação que requeira atenção especial ou medidas preventivas.


“Não se trata de mensagens de previsão do tempo, somente dos alertas quando precisarmos avisar a população para uma situação extrema”, explica o coordenador-adjunto da Defesa Civil. Ele reforça que ao receber o alerta a população não deve entrar em pânico, mas ficar atento às informações para agir preventivamente.



Reunião do coordenador-adjunto da Defesa Civil do Estado nesta quinta-feira, com representantes de órgãos do governo que darão apoio ao serviço, que será feito por meio da Plataforma de Interface de Divulgação de Alertas Públicos (Idap).



Implantação


O mesmo usuário poderá cadastrar mais de um CEP para receber os alertas. Também poderá descontinuar o serviço quando desejar. Sistema semelhante de alerta opera em mais de 20 países. No Brasil, o modelo foi desenvolvido pelo Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad) e teve início com projeto piloto em Santa Catarina, em fevereiro do ano passado.


Ele é decorrente da Lei 12.983/14 que trata da execução de ações para prevenção em áreas de risco e que tornou obrigatório que as empresas de telefonia transmitam gratuitamente alertas sobre o risco de desastres naturais à população. A implantação tem sido gradativa e a previsão é que até março deste ano esteja em funcionamento em todo o território brasileiro. Apesar da abrangência nacional, os alertas são regionalizados emitidos pelas Coordenadorias Estaduais de Defesa Civil.


Caso por algum motivo o cidadão não receba a mensagem de sua operadora, pode solicitar o cadastramento enviando SMS para o número 40199 com seu CEP de interesse. No caso de mais de um CEP, deverá ser enviada uma mensagem para cada endereço.




 

Idest/ Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Defesa Civil inicia alerta de desastres naturais"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

Sábado começa com sol e chuva chega à tarde

  Mega-Sena pode pagar R$ 15 milhões neste sábado

  Motociclista morre ao bater em caminhão na MS-384

+Notícias mais lidas da semana

Família de idoso que morreu no HR pede R$ 3 milhões
Camapuanense morreu após cair de maca.
Mulher quebra o pé ao cair em buraco e quer indenização
Pediu R$ 95 mil à Prefeitura de Campo Grande.
Camapuã: PMs improvisam cobertura com lona em pelotão
Representantes da categoria pediram interdição do local.
Pedreiro é morto a facadas pelo síndico após discussão
Entrada de pessoas não autorizadas no local teria motivado desavença.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®