Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Mato Grosso do Sul / Cerrados e florestas

Publicado em: 03/01/2018 - 10:32:21

2017:MS bate recordes de queimadas com 7.446 focos
Vegetação pegando fogo em MS (Foto: divulgação)Vegetação pegando fogo em MS (Foto: divulgação)


Mato Grosso do Sul fechou 2017 com volume de queimadas acima da média histórica, segundo dados do Inpe (Instituto Nacional de Meteorologia). Foram registrados pelo órgão 7.446 incêndios florestais no decorrer do ano, maior valor desde 2012, quando houve 7.545 casos.


Com relação aos dados mensais, setembro bateu recorde e foi responsável por 40,75% dos focos com 2.984 incidentes, maior valor desde 2007, quando houve 4.445 pontos de calor nas matas do estado.


Agosto, que também é considerado crítico por ter baixa umidade relativa do ar, teve 1.488 incêndios florestais no decorrer de 2017, ficando em segundo lugar no ranking, mas batendo recorde dos últimos cinco anos, perdendo apenas para 2012, quando o mês teve 2.951 casos.


Conforme os dados do Inpe, julho, apesar de ter tido 1.050 queimadas, bateu recorde dos últimos 17 anos, já que desde 1999 (quando houve 1.297 incêndios) o período não tinha tantos casos.


Na outra ponta da lista, abril teve menor quantidade de pontos de calor com 59 casos seguido de maio, com 72; e dezembro com 91.


Corumbá, localizado no Pantanal de Mato Grosso do Sul, foi o quarto município brasileiro com mais incêndios florestais em 2017, com 4.133 casos. Esse volume aumentou 3% em relação a 2016, quando houve 4.011 no mesmo período.


A Cidade Branca só perde para São Félix do Xingu (10,263) e Altamira (6.566) no Pará e para a capital de Rondônia, Porto Velho (4.250).


(Foto: divulgação)





 

Campo Grande News / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "2017:MS bate recordes de queimadas com 7.446 focos"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Receita obriga Palmeiras a mudar acordo com a Crefisa

  Marinha abre processo seletivo com quase 500 vagas

  Detentos fazem limpeza no Aquário do Pantanal

+Notícias mais lidas da semana

Família de idoso que morreu no HR pede R$ 3 milhões
Camapuanense morreu após cair de maca.
Homem morre após capotar veículo furtado em rodovia
O criminoso estava fugindo em direção à fronteira.
PRF intercepta maior carregamento de cigarros do país
Flagrante aconteceu em Jaraguari.
Corpo de macaco é encontrado em fazenda de MS
Há suspeita de febre amarela.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®