Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Geral / Geral

Publicado em: 21/10/2017 - 09:57:13

Ex-mulher se recusa a reatar casamento e é agredida

Mesmo separada há três meses uma mulher, de 32 anos, vem sofrendo ameaças de morte de seu ex-marido, de 39 anos. Na noite desta sexta-feira (20), ela foi agredida e arrastada pelos cabelos no meio da rua.


As agressões aconteceram na cidade de Porto Murtinho, a 454 quilômetros de Campo Grande. A vítima contou aos policiais que estava em casa conversando com uma amiga, quando o ex-marido apareceu para conversar.


Após, uma breve conversa ele foi embora, mas voltou minutos depois e passou a agredi-la, tentou enforcar a mulher e a arrastou pelos cabelos no meio da rua. Ao perceber que estavam acionando a polícia, o autor fugiu.


A vítima ainda contou que o casal está separado há três meses, e que o ex-companheiro teria se mudado para Campo Grande, mas sempre mandava mensagens a ameaçando caso não reatasse o relacionamento. O caso foi registrado como lesão corporal dolosa.






Midiamax/ Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Ex-mulher se recusa a reatar casamento e é agredida"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Carreteiro é assassinado com tiro na cabeça

  Homem é assassinado a tiros em Rio Verde

  MPE quer rigor em contratos de hospitais do SUS

+Notícias mais lidas da semana

DOCUMENTOS ENCONTRADOS - em Campo Grande (MS)
CPFs e RGs de Fernando Antonio Barbosa e Luizina Loureiro Barbosa.
Motociclista tem perna amputada após acidente
Colidiu com um caminhão.
INFORME PUBLICITÁRIO: Vereadora Dra. Márcia
'Legislativo forte, povo bem respeitado', afirma constantemente a vereadora.
Moradora de Camapuã é multada no Rio e em São Paulo
Ela acredita que o carro foi clonado.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®