Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Figueirão / Geral

Publicado em: 08/02/2017 - 07:32:48

Sem obras previstas, MS-436 recebe conserto improvisado

Sem previsão de reforma definitiva, trecho da rodovia MS-436 apresenta risco de desabamento, podendo ser interditada a qualquer momento, conforme informaram os prefeitos de Figueirão e Alcinópolis – a estrada liga esses dois municípios, além de Camapuã. Por enquanto, a solução do problema é improvisada. Na semana passada, a Prefeitura de Figueirão colocou arenito nos três pontos mais críticos, na divisa com o município de Alcinópolis, onde as crateras tomaram conta das laterais da rodovia. A obra, inaugurada em 2013, ainda está na garantia. 




“Na altura do quilômetro 135, são três crateras, se não resolver logo qualquer chuva vai levar tudo”, afirmou o prefeito de Figueirão, Rogério Rosalin.




A estrada – de 208 quilômetros de extensão e custo de R$ 215 milhões financiados pelo Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird) – é emblemática, símbolo de um dos maiores esquemas de corrupção e desvio de recursos públicos já identificados no Estado por intermédio da Operação Lama Asfáltica, da Polícia Federal. 




 

Correio do Estado/ Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Sem obras previstas, MS-436 recebe conserto improvisado"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Bonito: chef de cozinha é preso por furtar picanha

  Na virada de hoje para amanhã terá 'Superlua de Sangue'

  Três morrem e 5 ficam feridos no 2º acidente do domingo

+Notícias mais lidas da semana

Acidente na BR-060 deixa 5 mortos próximo à Camapuã
Quatro das vítimas são de famílias tradicionais de Camapuã.
Camapuã: procuradores entram com ação contra o Prefeito
Advogados concursados foram substituídos por comissionados e buscam direitos.
Três morrem e 5 ficam feridos no 2º acidente do domingo
A colisão aconteceu próxima à entrada de Anastácio – a 135 km de Campo Grande
Suspeito de matar transexual é investigado por estupro
Também foi em Camapuã. Menor se jogou morro abaixo para fugir do agressor.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®