FECHAR
> Ribas do Rio Pardo / Polícia

Publicado em: 26/04/2016 - 21:18:21

Polícia prende quadrilha que furtava gado à luz do luar

Policiais do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros) e da Delegacia de Polícia da cidade de Ribas do Rio Pardo, localizada a 97 quilômetros de Campo Grande prenderam oito pessoas acusadas de roubo de gado na área rural do município. O grupo aproveitava a luz da lua cheia para agir.


De acordo com informações policiais, a polícia já vinha investigando a incidência de furtos de gado (abigeato) e de maquinário agrícola na região. Após tomar conhecimento que os integrantes da quadrilha, na sua maioria, já haviam sido presos ou investigados por crime dessa natureza, a polícia passou a monitorá-los.


O grupo agia sempre de forma organizada, sendo que cada um deles tinha sua tarefa especifica na ação desenvolvida, havendo o responsável pelo levantamento das propriedades cuja vigilância era vulnerável, responsáveis pelo manejo do gado dentro da propriedade, pelo transporte e ainda os chefes que controlavam toda a ação do grupo. A polícia também tomou ciência da preferência deles em agir durante o período de lua cheia, pois isso facilita o manejo do gado durante a madrugada.


Diante destas informações a polícia passou a monitorar postos de gasolina da região e em uma determinada noite recebeu a informação de que três caminhões haviam abastecidos no Posto de Gasolina Cervantes no município de Água Clara e seguiram para Ribas do Rio Pardo. Um barreira foi montada e em um ponto da MS-357 o grupo foi preso quando transportavam um total de 90 cabeças de gado que haviam furtado da Fazenda Santa Rita .


Ainda segundo a polícia, o grupo era liderado por Franter Lemos Maia, de 40 anos, que contava com o apoio operacional de Dilson Aparecida Almada, de 39 anos, sendo que o primeiro já havia sido investigado por esse mesmo tipo de crime e o segundo já havia sido preso em flagrante pela prática.


Jairo Cesar Lacerda, de 54 anos, ficou encarregado de efetuar o levantamento das propriedades com pouca vigilância e que poderiam ser alvo fáceis para a ação do bando. Emerson De Souza Silva, de 38 anos, e Sergio Lima Dantas, de 40, desempenhavam funções de manejo do gado. Já os irmãos Cícero Jose Faria, de 44, Marco Antônio De Faria, de 33, e Julio Cesar De Abreu Dos Santos, de 29 anos, atuavam como transportadores do rebanho subtraído já que são proprietários de caminhões boiadeiros e para isso receberiam R$ 5 mil e mais o combustível.


A polícia ainda investiga a participação de outras pessoas no crime, já que para viabilizar o transporte foram emitidos guias de transporte animal ideologicamente falsos. Serão investigadas as ações de contabilistas, emissores e destinatários. A movimentação aconteceu em Água Clara e o rebanho subtraído, ao que tudo indica, teria como destino o Estado de São Paulo, mais precisamente a cidade de Araçatuba.


Foram apreendidos três caminhões Mercedes Benz além de uma motocicleta e uma caminhonete VW Amarok, que já foi apreendida em outras duas ações criminosas de furto de gado, onde ele sempre atuava como “batedor”. A quadrilha responderá por organização criminosa, furto qualificado, falsidade ideológica e uso de documento ideologicamente falso.


Foto: Divulgação/Assessoria 




   

Midiamax / Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Polícia prende quadrilha que furtava gado à luz do luar"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  TRE-MS barra 10 candidaturas

  Juiz eleitoral diz que urna eletrônica é segura

  Morador põe fogo em lixo e quase incendeia casa

+Notícias mais lidas da semana

Camapuã: Escola Camilo Bonfim completa 50 anos
Em localização privilegiada, a Escola Camilo Bonfim foi inaugurada em 1968.
Camapuã: chuva faz adiar evento no Camilo Bonfim
Evento foi transferido para terça-feira (18), amanhã, com a mesma programação.
Neto é detido por morte de ex-diretora da Fetems
Adolescente de 17 anos e amigo queriam 'assassinar alguém'.
Camapuã:Mulher sofre emboscada e é agredida pelo marido
A vítima registrou o caso e pediu uma medida protetiva contra o autor.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®